Publicidade
Publicidade

FBF adota cautela em relação a retorno do Baianão

Compartilhe este Post

A Federação Bahiana de Futebol adota a cautela, em relação a possibilidade de retorno às atividades no mês de maio. É o que garante o presidente da entidade, Ricardo Lima, em relação à possibilidade aventada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) de uma volta das atividades a partir da 2ª quinzena de maio.

De acordo com o jornal “O Globo”, o presidente da CBF, Rogério Caboclo, sugeriu que as Federações tentem viabilizar o retorno dos campeonatos estaduais para o dia 17 de maio. O dirigente ressaltou que a data não é uma determinação, uma vez que precisa levar em consideração as decisões das outras autoridades e a disseminação do coronavírus em cada região do país. A proposta é que o futebol no Brasil seja retomado primeiro em localidades que não exijam grandes deslocamentos dos atletas e que, posteriormente, possam ser retomados o Campeonato Brasileiro e depois a Copa do Brasil.

O presidente da FBF, Ricardo Lima (foto), tem participado de conferências on-line coordenadas pela CBF, onde se discute a situação do futebol como um todo e de acordo com o dirigente, no que pese a situação da Bahia ser menos preocupante em relação a outros Estados, a cautela é a palavra de ordem. “Estamos trabalhando ara que as atividades retornem, porém, é precipitado estabelecer datas, prazos em relação a volta das atividades. Nós temos mantido contato com nossos filiados, o nosso Departamento Jurídico está à disposição para orientar os dirigentes, dirimir dúvidas , mas pensar em prazo de volta ainda é complicado”, ressaltou.

Ricardo Lima disse que a definição de competições ainda se encontra em compasso de espera. “Vamos ver de imediato (assim que tiver uma situação concreta de volta) o desfecho do Campeonato Baiano e depois pensar em outras competições como a 2ª divisão e os campeonatos de base, além do Intermunicipal”, ressaltou. “Só deveremos voltar quando tivermos certeza do controle da situação com aval das autoridades competentes”, complementou.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *