Publicidade
Publicidade

Torcida lota Barradão, mas Criciúma vence e Vitória perde liderança

Compartilhe este Post

O Vitória perdeu o jogo e a liderança da Série B. Na noite deste domingo (11), em Barradão lotado, a equipe baiana acabou superada por 1 a 0 pelo Criciúma em jogo válido pela 12ª rodada da competição. Com público total de 29.024 e renda de R$ 535.910,00, a torcida rubro-negra viu Fabinho, ainda na primeira etapa, marcar o gol do triunfo carvoeiro. Com o resultado, o Vitória se manteve com 25 pontos e caiu para a segunda posição da competição, sendo ultrapassado pelo Novorizontino.

Vitória tem recaída no Barradão, perde para o Criciúma e deixa liderança da  Série B
Foto: Futebol Bahiano

COMO FOI O JOGO:

Com o mando de campo e a chance de vencer para seguir no comando da tabela, o Vitória tentou ir para cima, mas quem balançou a rede inicialmente foi o Criciúma. Aos 14 minutos, Marcelo Hermes recebeu passe na esquerda, tocou para Fabinho, que ajeitou. A bola sobrou para o próprio Fabinho que abriu o marcador. Após o gol sofrido, o Vitória tentou reagir. Após cruzamento, a bola sobrou com Zeca, que recebeu cruzamento e mandou por cima da meta defendida por Gustavo aos 24 minutos. Com 32, Wellington Nem recebeu bola boa após bom toque de Tréllez e perdeu a chance do empate.

No segundo tempo, o Vitória seguiu em cima tentando o empate. Aos nove, Wellington Nem recebeu passe, cruzou para Tréllez, que cabeceou por cima da meta. Logo depois, Nem tentou a finalização e mandou por cima. Aos 39, Thiago recebeu na grande área e mandou para fora. Dois minutos depois, Wellington Nem recebeu cruzamento de Osvaldo, cabeceou sozinho e perdeu a chance do empate. O time catarinense se segurou na defesa e garantiu o bom resultado, que o deixa em 4º na tabela, com 23 pontos.

O leão, volta a jogar no próximo dia 25 de junho, contra o Guarani, fora de casa. Um dia antes, o Criciúma visita a chapecoense em clássico local, também fora de casa.

Ficha técnica: Vitória 0x1 Criciúma (Série B – 12ª rodada)

Vitória: Lucas Arcanjo, Zeca (Railan), Camutanga, Wagner Leonardo e Marcelo (Felipe Vieira); Marco Antônio (Thiago Lopes), Rodrigo Andrade (Gegê) e Wellington Nem; Osvaldo, Zé Hugo (Giovanni Augusto) e Santiago Tréllez. Técnico: Léo Condé.

Criciúma: Gustavo, Claudinho (Jonathan), Rodrigo, Walisson Maia e Marcelo Hermes; Arilson, Léo Costa, Ítalo Melo (Rayan), Miquéias (Crystopher) e Fabinho (Welinton Torrão); Felipe Vizeu (Éder). Técnico: Cláudio Tencati

Estádio: Barradão
Cartões amarelos: Camutanga (Vitória); Gustavo e Ítalo Melo (Criciúma)
Público total: 29.024 pagantes
Renda: R$ 535.910,00
Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza, auxiliado por Anderson de Moraes Coelho e Gustavo Rodrigues de Oliveira (trio de SP)

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *