Publicidade
Publicidade

Fotógrafa da FBF é vítima de injúria racial durante jogo entre Bahia x Jequié

Compartilhe este Post

A partida desta quarta-feira (17), entre Bahia e Jequié, pela 1ª rodada do Campeonato Baiano, também ficou marcada por um episódio de injúria racial contra a fotógrafa Maurícia da Matta, da Federação Bahiana de Futebol (FBF).

Maurícia trabalhava na beira do gramado da Arena Fonte Nova, quando foi vítima de ofensas racistas por duas pessoas. A Polícia Militar foi acionada e conduziu os denunciados à delegacia do estádio para realização de um boletim da ocorrência.

Em nota, a FBF prestou solidariedade à profissional, e o Bahia cobrou resposta das autoridades sobre o assunto. Na partida, o Bahia, que utilizou uma equipe alternativa, perdeu para o Jequié, por 1 a 0.

Fotógrafa ibotiramense denuncia ser alvo de atos de racismo em cobertura na  Arena Fonte Nova | Gazeta 5
Foto: Divulgação Gazeta 5

Veja nota divulgada pela FBF:

“A Federação Bahiana de Futebol vem a público lamentar e repudiar veementemente os atos de racismo sofridos pela fotógrafa Maurícia da Matta, que presta serviço à entidade, nesta quarta-feira (17). A profissional foi vítima de insultos racistas proferidos por torcedores durante a partida entre Bahia e Jequié, pela 1ª rodada do Baianão 2024, na Arena Fonte Nova.

A FBF se solidariza com a profissional e agradece ao Batalhão Especializado em Policiamento de Eventos (BEPE), da Polícia Militar da Bahia, que identificou e imediatamente deteve os autores. A intolerância, o racismo e a discriminação não fazem parte do esporte e devem ser extintos da sociedade”.

Veja nota divulgada pelo Bahia:

O Esporte Clube Bahia vem a público repudiar episódio lamentável contra a fotógrafa Maurícia da Matta, da Federação Bahiana de Futebol, durante o jogo desta noite na Fonte Nova. Ela, que também já prestou serviço ao Esquadrão, foi alvo de injúria racial enquanto exercia a sua profissão na beira do gramado.

Acionada, a Polícia Militar conduziu os dois torcedores acusados à delegacia do estádio e foi realizado boletim da ocorrência. Toda nossa solidariedade a Maurícia ao tempo em que cobramos resposta à altura da gravidade do assunto e reiteramos compromisso na luta contra qualquer tipo de discriminação”.

Fonte: GE

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *