Publicidade
Publicidade

Dirigentes discutem futuro do futebol nacional diante de pandemia

Compartilhe este Post

Com a paralisação de competições nacionais e de boa parte dos campeonatos estaduais por conta da pandemia de Coronavírus, o calendário fatalmente será afetado com atrasos de competições que podem interferir na sequência do ano esportivo. Diante disso dirigentes estão reunidos no Rio de Janeiro em busca de alternativas para que os campeonatos aconteçam em seu curso normal quando as atividades forem retomadas.

Desde ontem no Rio de Janeiro, o presidente da Federação Bahiana de Futebol, Ricardo Lima participa juntamente com o vice-presidente Manfredo Lessa de reuniões onde estão sendo discutidos os impactos do Coronavírus em relação às atividades esportivas. “O objetivo é justamente buscar o entendimento junto a CBF sobre questões como a sequência do calendário de competições planejado para este ano porque os estaduais estão curso e logo começarão as competições nacionais e nós precisamos ter uma ideia, uma organização quanto a isso”, disse Ricardo Lima em entrevista no programa Conexão Esportiva.

Outra situação diz respeito aos contratos dos atletas da maior parte das equipes que tem a duração mínima de três meses. “É uma situação que realmente gera muita preocupação porque a parada gera custos e não é simplesmente fazer aditivos, mas encontrar forma que os clubes não tenham prejuízos maiores do que os que já estão acontecendo por conta paralisação. É uma situação complexa por ser algo que atinge todo o Brasil, mas temos que buscar soluções para que se dê continuidade posteriormente às competições”, disse o presidente.   

A partir das soluções encontradas neste encontro entre representantes da CBF e das federações é que se terá definições sobre os rumos do futebol nacional. “Tudo tem sido feito de forma tranquila e equilibrada, com a prevalência sempre do bom senso. É desta forma que imaginamos que as soluções serão encontradas e aplicadas”, observou Ricardo Lima.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *